Ir para o conteúdo principal

China Brasil Futebol

  1. Notícias >
  2. Com personalidade forte, novo treinador de Tevez chama atenção na China

Com personalidade forte, novo treinador de Tevez chama atenção na China

Wu Jingui assume o Shenhua após a demissão de Gustavo Poyet

Após o pedido de demissão do treinador uruguaio Gustavo Poyet e a confirmação por parte da diretoria do Shenhua do auxiliar Wu Jingui, o treinador chinês deu uma entrevista bem franca ao jornal Morning News de Xangai.

E suas palavras sobre o momento de Carlos Tevez rodou o planeta e coloca em xeque o futuro do atacante argentino no clube chinês.

A primeira pergunta foi se precisa provar a si mesmo que pode comandar um time da principal divisão após se tantos anos um auxiliar e nunca ter sido efetivado como treinador principal.

E ele respondeu “Eu não preciso provar nada a mim mesmo. Quando você foca em si mesmo os métodos de trabalho ficam distorcidos. A minha finalidade é ajudar o clube a passar essa tempestade”.

Quando perguntado sobre Tevez, Jingui foi taxativo “Tevez tem sobrepeso. Tenho que assumir a responsabilidade da equipe e dos jogadores. Se [ele] não pode fazer todo o possível para jogar, não tem sentido escalá-lo”.

E completou “Não irei olhar fama na hora de escalar o time. Os jogadores precisam confiar uns nos outros e junto com a torcida formar uma grande atmosfera para o trabalho fluir.”

Ainda sobre o ex-atacante do Boca Juniors o treinador chinês falou que irá sentar e conversar com ele sobre as suas ideias para o time, porém não irá o colocar pra jogar enquanto o mesmo não estiver 100% fisicamente.

O Shenhua está nas semifinais da Copa da China, porém decepciona na Super Liga por ocupar apenas a décima primeira posição com 24 pontos.
 

Comentários