Ir para o conteúdo principal

China Brasil Futebol

  1. Notícias >
  2. Pato marca, Tianjin elimina o Guangzhou e avança na Champions Asiática

Pato marca, Tianjin elimina o Guangzhou e avança na Champions Asiática

Em partida realizada nesta terça-feira (15), o Quanjian classificou graças ao placar agregado

Com muita valentia e respostas quase que imediatas as adversidades sofridas na partida, o Tianjin Quanjian empatou por 2x2 com o Guangzhou Evergrande nesta terça-feira (15) e avançou para as quartas de finais da Champions League da Ásia.

Como a primeira partida, na semana passada em Tianjin, terminou em 0x0, o empate de hoje serviu para o time do treinador português Paulo Sousa avançar graças a regra do gol qualificado. Seu adversário ainda será definido em sorteio.

Alexandre Pato foi o grande jogador da partida, marcando um gol no primeiro tempo e cobrando a falta que originou o gol de Wang Jie que garantiu a classificação do Quanjian, que faz história na disputa da sua primeira Champions Asiática.


O jogo

Fabio Cannavaro, técnico do Evergrande, optou por uma escalação e um plano de jogo que prezava por uma maior posse de bola e por consequência, um maior domínio das ações da partida.

E como de praxe nos jogos em casa, o Guangzhou começou a partida indo com tudo e pressionando o seu adversário.

Alan, Ricardo Goulart e Gao Lin formaram o trio de ataque responsável por finalizar as jogadas criadas pelo meio-campo vermelho.

E logo aos 17 minutos do primeiro tempo, a estratégia surtiu efeito.

Após chute colocado de Alan, o goleiro Zhang Lu conseguiu fazer boa defesa, mas no rebote Goulart se antecipou e de joelho conseguiu empurrar a bola para o fundo do gol.

Era o ínicio dos sonhos para o Guangzhou. 

Mas a resposta foi imediata.

Axel Witsel recebeu lançamento pela esquerda e cruzou na medida para Alexandre Pato mandar de cabeça e empatar o jogo aos 19 minutos.

O brasileiro comemorou bastante com o torcedor que saiu de Tianjin para acompanhar a partida no Cantão.

Com o resultado que lhe servia na mão, o Quanjian adotou uma postura bastante conservadora no jogo, defendendo bastante e saindo apenas em contra-ataques.

A segunda etapa foi bastante similar a primeira, em todos os aspectos.

Novamente Goulart conseguiu marcar no ínicio (aos 3 minutos) e fazer explodir de emoção o Estádio Tianhe.

Desta vez o brasileiro aproveitou o belo cruzamento de Li Xuepeng para cabecear no canto e sem chances para o goleiro Zhang Lu defender.

Porém aos 7 minutos, após falta jogada ensaiada que começou com a cobrança de falta de Pato, o zagueiro Wang Jie apareceu na pequena área e chutou para empatar o jogo novamente.

Muitas contido nas comemorações, desta vez Paulo Sousa extravasou e comemorou bastante com sua equipe técnica e os jogadores reservas.

O treinador sabia que as respostas imediatas do Tianjin no placar era de suma importância para continuar vivo no jogo e deixar o Evergrande preocupado com os espaços cedidos atrás na busca pelo gol da vitória.

E o tempo foi passando, o Quanjian segurando a bola no campo de ataque, o Evergrande perdendo chances e sem conseguir uma reação mais enérgica para assustar a defesa adversária.

Aos 50 minutos o árbitro Ibrahim Al-Jassim apontou o centro de campo e deu fim a partida, para delírio dos jogadores e torcedores do Quanjian, pela vaga nas quartas, por eliminar o maior campeão chinês e um dos principais clubes da Ásia.

NÚMEROS

GUANZGHOU EVERGRANDE

TIANJIN QUANJIAN

POSSE DE BOLA

69%

31%

CHUTES

8

20

CHUTES AO GOL

4

6

ESCANTEIOS

7

12

IMPEDIMENTOS

3

1

PASSES

506

238

% DE ACERTOS DE PASSES

83%

63%

FALTAS 9 6

Comentários