Ir para o conteúdo principal

China Brasil Futebol

  1. Notícias >
  2. Retrospectiva 2018: Brasileiros do SIPG colocam um fim em hegemonia na Super Liga da China

Retrospectiva 2018: Brasileiros do SIPG colocam um fim em hegemonia na Super Liga da China

Hora de relembrar!

Após sete temporadas de títulos seguidos da Super Liga da China pelo Guangzhou Evergrande (2011 a 2017), os brasileiros Hulk, Oscar e Elkeson deram fim a maior hegemonia do futebol chinês ao ajudar o Shanghai SIPG a conquistar o título de 2018.

O time vermelho de Xangai conquistou o seu primeiro título na história em grande estilo e entrou de vez na discussão de melhores equipes do futebol chinês, graças a um trabalho muito bem feito da diretoria.

A Super Liga desta temporada também mostrou uma evolução do talento local, consagrando o atacante Wu Lei, do próprio SIPG, como o artilheiro da competição, além do surgimento de jovens valores em equipes como Jiangsu Suning e Shanghai Shenhua.


Pelotão da frente

Além do SIPG campeão, com 68 pontos em 30 rodadas, Guangzhou Evergrande e Shandong Luneng completaram o G3 da temporada e garantiram vaga na Champions League da Ásia 2019.

O Evergrande conseguiu uma grande arrancada em Agosto e lutou pelo título até a rodada 28, com grande temporada de Anderson Talisca e Paulinho.

Já o Shandong, de Diego Tardelli, Gil e Roger Guedes, conseguiu se restabelecer após um 2017 difícil e com o treinador Li Xiaopeng fazendo sua estreia no comando do time, conseguiu uma posição honrosa com a terceira posição.

Vale também uma menção ao Beijing Guoan, que lutou até o fim por uma vaga no G3, porém não conseguiu após resultados ruins na reta final da Super Liga. Mas estará na Champions por ter conquistado a Copa da China.


Surpresas (positiva e negativa)

Além do SIPG campeão quebrando a sequência do Evergrande, o Chinesão trouxe outras surpresas em 2018.

O Beijing Renhe, clube recém-promovido da China League One, fez bela participação, levando em consideração o seu orçamento em relação aos grandes clubes, terminando na oitava posição.

Já o Quanjian, que terminou em terceiro em 2017, não conseguiu repetir a campanha e finalizou a temporada em nono, mostrando que o planejamento não foi bem executado. 


O grande jogo

A partida de mais destaque em 2018 na Super Liga, com certeza aconteceu na rodada 28, quando o Shanghai SIPG foi até o Cantão e venceu o Guangzhou Evergrande no confronto direto que, naquele momento, valia a liderança do Chinesão para quem vencesse o jogo.

Com grande partida de Hulk e Wu Lei, o SIPG venceu o rival por 5x4 em partida emocionante, que sem dúvidas, ficará marcada na história da competição.


Confira a classificação final da Super Liga da China 2018!!


Rebaixados

O Guizhou Hengfeng e o Changchun Yatai, equipes que coincidentemente não contaram com brasileiros em seus elencos, caíram de divisão e estarão na China League One 2019, que a cada temporada aumenta o grau de competitividade.

O Yatai teve uma grande caída técnica e foi rebaixado por conta do saldo de gols e por uma sequência de oito partidas sem vencer nas últimas últimas oito rodadas.


 

Comentários