Ir para o conteúdo principal

China Brasil Futebol

  1. Notícias >
  2. Super Liga da China terá nove "representantes" na Copa da Rússia

Super Liga da China terá nove "representantes" na Copa da Rússia

Renato Augusto, Mascherano e Witsel são os mais conhecidos pelo público

Com vários jogadores de níveis internacionais na Super Liga da China, nove deles irão ser os “representantes” do futebol chinês na Copa do Mundo da Rússia nos próximos meses de junho e julho.

Serão atletas de quatro continentes diferentes (África, Ásia, América do Sul e Europa), e que pertencem a times em partes distintas da tabela atual do Chinesão.

O China Brasil Futebol fará uma cobertura especial destes atletas que estarão no Mundial de 2018 aqui no portal e nas nossas redes sociais.

Confira os jogadores:

Renato Augusto (Beijing Guoan e Brasil): O camisa 5 chega para a Copa como o maior passador da Super Liga em 2018, com de 84 passes certos por partida, o que dá em média 81,7% de sucesso na conversão. Além de ter marcado 2 gols e distribuído 6 assistências.

O Guoan ocupa atualmente a terceira posição na tabela com 22 pontos, apenas 1 ponto atrás do líder.

Javier Mascherano (Hebei China Fortune e Argentina): O ex-Barcelona e Liverpool chegou como grande contratação da temporada no futebol chinês e ocupou a posição de titular absoluto no time de Qinhuangdao.

Formando dupla com Hernanes no meio-campo, o argentino já marcou 1 gol para o Hebei, que atualmente está na 10ª posição com 15 pontos.

Axel Witsel (Tianjin Quanjian e Bélgica): O meia cabeludo é titular absoluto no time de Paulo Sousa, que está nas quartas de finais da Champions League da Ásia. Além de ocupar a 9ª posição na tabela do Chinesão.

Com um elenco bastante badalado, a Bélgica chega na Rússia como umas das Seleções “não-campeãs” que podem surpreender a todos no torneio.

Yannick Carrasco (Dalian Yifang e Bélgica): Oriundo do Atlético de Madrid, o belga chegou como grande esperança do torcedor do Dalian para a temporada. Apesar do começo ruim da equipe, a chegada do técnico alemão Bernd Schuster colocou o time no trilhos e os resultados estão melhorando.

Com bastante competição na posição, o ponta deve começar o Mundial como grande arma para o decorrer das partidas.

Dusko Tosic (Guangzhou R&F e Sérvia): O zagueiro foi apresentado neste mês de maio como novo jogador do clube chinês, onde também atuam os brasileiros Júnior Urso e Renatinho, contratado junto ao Besiktas.

Experiente, o zagueiro já atuou no futebol alemão e está numa equipe bastante física e que irá enfrentar a Seleção Brasileira na terceira rodada da fase de grupos.

John Obi Mikel (Tianjin TEDA e Nigéria): Conhecido pelos seus anos de Chelsea, Mikel comanda o meio-campo da equipe azul de Tianjin, que ocupa atualmente a 8ª posição na tabela com 15 pontos.

Capitão e camisa 10 do time africano, o jogador também participou da Copa do Mundo do Brasil em 2014.

Odion Ighalo (Changchun Yatai e Nigéria): O atacante que atua ao lado do brasileiro Marinho, é o camisa 9 das Águias Africanas, como é conhecida o time nigeriano.

Ighalo carrega a responsabilidade de marcar os gols do Yatai no futebol chinês e responde a esse chamado com muita capacidade, pois em 11 partidas marcou 7 vezes em 2018, no atual 13ª colocado.

Kim Young-gwon (Guangzhou Evergrande e Coreia do Sul): Com 13 partidas na temporada, o experiente zagueiro é cotado para começar a Copa como titular do time asiático. 

Conhecido por jogar simples e pela liderança no vestiário, Kim está no Evergrande desde 2012, tendo conquistado cinco vezes a Super Liga da China.

Kwon Kyung-won (Tianjin Quanjian e Coreia do Sul): Outro defensor sul-coreano que faz bastante sucesso na China. Kwon é querido pelo torcedor do Quanjian por sua versatilidade e força nas bolas aéreas, inclusive no setor ofensivo.

Polivalente, pode atuar tanto de zagueiro como de lateral-esquerdo, e inclusive teria sido especulado como alvo do Evergrande, por ter trabalhado com Fabio Cannavaro, atual treinador da equipe de Guangzhou.
 

Comentários